fbpx

O quanto você já poluiu hoje ?

Sim, você! Aquele papel de bala jogado na rua, tantos copos descartáveis que usa no dia, a bituca de cigarro jogada em qualquer lugar, o descarte do seu lixo doméstico feito de qualquer jeito. Tudo isso junto causa um estrago enorme, pois quando se trata de meio ambiente, não existe o “lá fora”, e todos nós estamos dentro do mesmo planeta.

Estamos na semana dedicada à preservação do meio ambiente, na perspectiva de chamar atenção à autorresponsabilidade, afinal, somos todos responsáveis pela poluição existente, seja em maior ou menor grau, e o PLANETA TÁ PEDINDO SOCORRO!

A busca por um meio ambiente mais equilibrado, ou sustentável, na realidade, é a busca pela própria salvação da humanidade e de nosso planeta, pois se o meio ambiente não estiver equilibrado, somos nós, os seres humanos, quem também sofrerá com esse desequilíbrio.

E o que fazer para garantir os direitos à vida e ao meio ambiente equilibrados?

 

Consciência ambiental é a palavra chave! Todas as pessoas, seja criança, adulto ou idoso, tem que se responsabilizar por cuidar do meio ambiente, em todas as suas formas, ou seja, tanto o meio ambiente natural, quanto o artificial, o cultural, o do trabalho e o patrimônio genético.

Ou seja, não se trata apenas de uma movimentação para proteger o mico-leão-dourado, mas sim, e inclusive o meio ambiente artificial que pode compreender como sendo o espaço urbano – prédios e praças, evitando poluição visual e sonora, por exemplo. Ou o meio ambiente cultural, em que vamos proteger também os nossos monumentos, por exemplo, conforme previsto no art. 216 da Constituição Federal.

Ainda não existem leis específicas contra os diversos tipos de poluição, o que dificulta a aplicação das penas. De modo geral, na Lei dos Crimes contra o Meio Ambiente, está previsto apenas: multa e reclusão de um a quatro anos contra os poluidores.

 

Já sabemos que você poluiu, a pergunta é “quanto”?

 

Se nas nossas atividades diárias estamos produzindo lixo que não podem ser reciclados, estamos poluindo. Assim, desde o momento em que acordamos, dependendo de como é o nosso café da manhã, da nossa rotina, esse quanto pode ser muito ou pouco.

E essa semana, surge com o objetivo de conscientização para que esse “quanto” diminua gradativamente, e assim, que o nosso meio ambiente, em todas as suas esferas sejam preservados, para nós e para os nossos filhos, netos. O escritório Vilas-Bôas & Spencer Bruno também tem se empenhado e está cada vez mais preocupado com essa causa. Se você precisar de auxílio nesse sentido, entre em contato com a gente.…Ah, e não deixe de assinar nossa newsletter para acompanhar nossos conteúdos.

Anterior

Próximo

FALE O QUE VOCÊ PRECISA

Obrigado pelo seu contato!

WhatsApp Fale com um especialista!